EU SOU

Minha foto
São José dos Campos, SP, Brazil
“A vida é a descoberta de quem somos." contato: rosicleidedavid@ymail.com
Se até o SiLêNcIo guarda em si pAlAvRaS caladas. O que deve haver sem as palavras?

...Nos meus intervalos, eu passo por aqui...

Revelo a colheita do que plantei durante o dia,

Faço uma breve análise do que está em mim ou do que se passa ao meu redor,

Ou simplesmente deixo fragmentos de sonhos...

ATENÇÃO:


Os textos de minha autoria são protegidos pela lei n° 9.610 de 19-02-1998, “lei dos direitos autorais”.

Votem em Palavras Lapidam

domingo, 10 de abril de 2011

Notícias


Notícias


Me deem notícias
Não ouço mais a expressão "Boas Novas"
O que aconteceu?
Em que momento da nossa história
Passou a ser tão fácil deixar de existir?
Aquele rosto reprisado na tela da TV
Mais uma vítima
Retratando a violência.
Aquele rosto sendo reprisado o dia todo, 
associado à tragédia,
inesperada,
Que lhe tirou a vida.
Não me explicaram o motivo do sorriso na foto,
Não disseram pra quem ela sorria naquele dia,
Como foi a sua infância cheia de sonhos,
Quais eram os seus planos.
Mas, a vida que havia naquele olhar
O amor que havia naquele sorriso
Contidos na foto
Revelaram que ela não esperava.
Não esperava ser a vítima,
Pega de surpresa
E tão subitamente levada,
Estupidamente tendo a sua vida
Interrompida.

Rosicleide David

Menina Ana Carolina Pacheco da Silva, de 13 anos, vitima do ataque a escola em Realengo. 

3 comentários:

  1. Oi Rose..
    Como vai??
    Que triste tudo isso..que surpresa ruim esta que vivemos, que surpresa ruim que aquelas pessoas viveram.
    Eu me lembro que cheguei tarde em casa neste dia e só fui saber do acontecido quando já era noite..e a tristeza continua até agora.
    Eu não perdi ninguém, mas sei como é a dor da perda e sei como é ruim ser pega de surpresa, acho que assim é ainda mais ruim..ser obrigada a nunca mais dar tchau ou nunca mais demonstrar cuidado a alguém que amo porque fui obrigada a dar adeus.
    Estou triste porque a humanidade perdeu o sentimento que nos permitiu viver..sentimento de nome pequeno mas que é o mais importante, o AMOR.
    É isso..
    Beijo grande.
    Mia.

    ResponderExcluir
  2. Olá Mia!

    O seu desabafo é o mesmo de muitos.
    Tenho a mesma sensação que você, mas não percamos a esperança, é preciso acreditar ainda no poder do amor.
    Beijo grande tbm.
    Rose

    ResponderExcluir
  3. Na verdade existem boas novas sim, mas infelizmente as tragédias tomam conta do nosso cotidiano.
    Sinto muito por todas essas famílias do bairro de Realengo, que Deus ilumine e conforte o coração de cada uma. Amém

    ResponderExcluir