EU SOU

Minha foto
São José dos Campos, SP, Brazil
“A vida é a descoberta de quem somos." contato: rosicleidedavid@ymail.com
Se até o SiLêNcIo guarda em si pAlAvRaS caladas. O que deve haver sem as palavras?

...Nos meus intervalos, eu passo por aqui...

Revelo a colheita do que plantei durante o dia,

Faço uma breve análise do que está em mim ou do que se passa ao meu redor,

Ou simplesmente deixo fragmentos de sonhos...

ATENÇÃO:


Os textos de minha autoria são protegidos pela lei n° 9.610 de 19-02-1998, “lei dos direitos autorais”.

Votem em Palavras Lapidam

quarta-feira, 29 de junho de 2011

Os espinhos da Sociedade



Acordo pela manhã, ligo o noticiário à espera de informações do tempo. Apenas, com os olhos ainda miúdos, querendo saber o quanto deveria me agasalhar. Queria a simples previsão do tempo e tomar meu café.
Não senti frio, não senti calor, só pude sentir a voz da repórter ecoando como uma pedra muito pesada que é lançada às águas tranquilas e lhes tumultuando.
Duas crianças recém-nascidas haviam sido abandonadas no lixo, e encontradas sem vida.


Fica um enorme ponto de interrogação. O que induz uma pessoa a agir assim? A cometer tal atrocidade?
Eu não me atrevo a responder essa questão. Deixo para os profissionais que se dedicam à isso.
A sociedade está cheia de espinhos, é preciso cuidá-la.


Mas, ainda acredito no poder do amor. Na família, nos amigos, nos gestos de gentileza, que podem mudar muitos rumos. Não posso desacreditar no mundo e achar que as minhas mãos estão atadas, e se é preciso cuidar da sociedade esmorecida e machucada por seus próprios espinhos, que façamos a nossa parte.

Um comentário:

  1. É isso ai querida Rose..que façamos nossa parte e não somente cobremos o que não tem sido feito!!
    Apesar dos espinhos, apesar das falhas e apesar do enorme descuido..que façamos aquilo que nos cabe fazer!!
    Ótima semana pra ti!!
    Amei o texto!
    Enorme beijo..
    Mia.

    ResponderExcluir