EU SOU

Minha foto
São José dos Campos, SP, Brazil
“A vida é a descoberta de quem somos." contato: rosicleidedavid@ymail.com
Se até o SiLêNcIo guarda em si pAlAvRaS caladas. O que deve haver sem as palavras?

...Nos meus intervalos, eu passo por aqui...

Revelo a colheita do que plantei durante o dia,

Faço uma breve análise do que está em mim ou do que se passa ao meu redor,

Ou simplesmente deixo fragmentos de sonhos...

ATENÇÃO:


Os textos de minha autoria são protegidos pela lei n° 9.610 de 19-02-1998, “lei dos direitos autorais”.

Votem em Palavras Lapidam

sexta-feira, 3 de julho de 2009

vida após o amor


Fúria de Eros


Lágrimas rolam sobre o efeito da dor
É como o imenso oceano, com mares de saudade.
A vida é tão curta e o tempo é imprevisível.
A neblina muitas vezes ofusca o brilho,
A luz da vida pode se apagar.
A triste solidão pode me fazer infeliz.
Esplêndido amor que cura a minha alma.
Amor santo, redondeza de pecados apagados.
Fincou- se em meu peito a fúria de Eros,
A flecha fatal.
Talvez eu tenha sido vítima de alvo errado.
Era possível escolher entre sorrir ou chorar.
O único destino certo era a morte.
O futuro por mim seria decidido.
Confuso era sentir ser eu o meu dono.
Conheço a mentira, e ela estava aqui.
Roubaram o meu tesouro e me fez bem.
Agora o meu coração já possui dona.
As palavras giram em desencontro infinito.
Ser sábio não é saber, pois é sentir.
Sentido para isso, às vezes, não há.
Mas há compreensão para tudo estar aqui, para eu existir.
Aqui está o motivo para viver
Trilhar com amor o seu caminho.
O importante é viver bem
E para isto basta apenas poder amar.


Se há vida após o amor?
Há.
Se havia vida antes?
Não.

Rosicleide David 11/ agosto/ 1.999

Nenhum comentário:

Postar um comentário